Share |

Bloco quer mais informações sobre construção do novo hospital

O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda questionou o Governo sobre a construção do novo Hospital de Barcelos, na sequência de informações contraditórias divulgadas pelo Presidente da Câmara Municipal de Barcelos.

No documento entregue na Assembleia da República, os deputados do Bloco de Esquerda José Maria Cardoso, Moisés Ferreira e Alexandra Vieira, destacam as declarações de Miguel Costa Gomes, que referem que "foi sinalizado à tutela por parte da ARS a necessidade de inclusão da construção do novo Hospital no mapa de investimentos para os próximos 4 anos, cujo investimento previsto é na ordem dos 40M€".

Inclusivamente, de acordo com o Bloco de Esquerda, na última reunião da Assembleia Municipal, a 28 de Fevereiro, o Presidente da Câmara afirmou que tinha um documento de compromisso da ARS Norte nos termos que tinha dado conhecimento público.

O Bloco lembra que reuniu, a 19 de Julho de 2019, com a Administração Regional de Saúde do Norte e que foi afirmado pelo Presidente do Conselho Executivo que o projeto funcional do novo hospital ia ser apresentado até ao final de Outubro de 2019. No entanto, "até ao momento, nada foi esclarecido e continuamos sem conhecer o conteúdo do projeto funcional", denuncia o Bloco de Esquerda.

Segundo o Bloco de Esquerda, as declarações do Presidente da Câmara "despoletou alarido social devido às fortes expetativas da população que há décadas anseia por tal execução", pelo que pretendem esclarecer a situação.

Por isso, os bloquistas querem que o Ministério da Saúde indique qual o documento que foi enviado ao Presidente da Câmara Municipal de Barcelos pela ARS Norte, qual o projeto funcional desenvolvido e qual o montante necessário para a construção do novo Hospital.

AnexoTamanho
pg1279-xiv-1.pdf156.08 KB